Pular para o conteúdo principal

Fantástico credita gesto do papa Francisco de lavar pés de fiéis a santo católico ao invés de Jesus e vira alvo de protestos


No último domingo, 17 de março, o programa Fantástico apresentou diversas matérias sobre o papa Francisco, incluindo a origem humilde do cardeal Jorge Mario Bergoglio e também, referências sobre São Francisco de Assis, inspiração para o nome adotado pelo pontífice.
Entretanto, uma das matérias apresentadas cometeu uma gafe ao dizer que Bergoglio lavava os pés dos fiéis e os beijava inspirado em São Francisco de Assis. A matéria, assinada pelo jornalista Felipe Santana, transformou-se imediatamente alvo de protestos de evangélicos e católicos nas redes sociais.
O texto narrado pelo repórter dizia que “na Páscoa, Bergoglio lavava os pés dos fiéis e depois os beijava, um ato inspirado em São Francisco de Assis”. No Twitter, os usuários se queixaram abertamente sobre o deslize: “O Fantástico falando que o Papa lavar pés foi inspirado em São Francisco de Assis. Só faltou falar que quem escreveu 1Co 13 foi Renato Russo”, escreveuAriovaldo Jr., colunista do Gospel+ e pastor da Igreja Manifesto.
“O Fantástico acaba de dizer que o lava-pés foi inspirado em São Francisco de Assis! Parabéns, Rede Globo. Já ouviram falar em Jesus Cristo?”, questionou Vagner de Cássio. A manifestação foi replicada por William Pereira: “Jornalistas da Globo, quando fizerem uma matéria religiosa pesquisem e vejam a Bíblia… O lava pés é um ato que foi realizado pelo próprio Jesus”, escreveu.
Assim que detectaram o erro, os apresentadores do programa fizeram questão de mencionar os protestos dos telespectadores e ponderaram sobre o fato: “Agora há pouco mostramos imagens antigas do papa, onde ele aparece beijando os pés dos fiéis e dizemos que o gesto foi inspirado em São Francisco de Assis”, introduziu Zeca Camargo. Sua colega de função, Renata Ceribelli, fez o mea culpa: “Muitos telespectadores entraram em contato com a gente para dizer que o gesto foi inspirado em Jesus, que beijou os pés dos discípulos. Claro, mas na verdade, a reportagem quis dizer que o gesto do papa foi inspirado na humildade de São Francisco, que segundo a tradição beijava inclusive doentes de lepra”, observou.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mensagem de Ensinamento com Pr. Clodoaldo Alves da Costa 08/08/2017

Culto de Ensinamento na IEADN em Boa Vista Roraima, com nosso Pastor Presidente Clodoaldo Alves da Costa