Pular para o conteúdo principal

Feliciano pediu desculpas por frases consideradas racistas e homófobas; Veja como foi a primeira sessão da CDHM presidida por ele e marcada por tumultos


A primeira sessão da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara dos Deputados presidida pelo pastor Marco Feliciano (PSC-SP) foi marcada por tumultos e discussão entre parlamentares.
Na abertura da reunião, Feliciano discursou dirigindo-se às pessoas que demonstraram estarem ofendidas com suas polêmicas declarações: “Neste momento importante para a nação brasileira, onde iniciamos os trabalhos deste ano, nesta douta comissão, peço a todos e a todas que se alguém se sentiu ofendido por alguma colocação minha, em qualquer época, peço as mais humildes desculpas e coloco meu gabinete à disposição para dirimir quaisquer dúvidas”, disse o pastor, de acordo com informações do G1.
Os parlamentares petistas Erika Kokay (PT-DF) e o ex-presidente da CDHM Domingos Dutra (PT-MA) eram os mais exaltados e discutiram rispidamente com Marco Feliciano durante a sessão. O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) também se exaltou e discutiu com o pastor.
“Acabou a bagunça nesta comissão. Agora, vai ter ordem”, disse o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que discutiu com Dutra. Numa matéria veiculada pelo Jornal Nacional, da TV Globo, foi mostrada o momento em que Dutra tenta agredir Bolsonaro e é impedido pelos colegas de parlamento, inclusive o próprio pastor Marco Feliciano.
Para justificar sua exaltação, Dutra afirmou que estavam havendo provocações: “O presidente [Feliciano] está de comum acordo com o Bolsonaro, que fica instigando, debochando da bancada, levantando o dedo para a deputada Erika. Fica sentado na mesa diretora como se fosse presidente. Isso tudo tem limite. Uma comissão importante como a de direitos humanos passando por esse tumulto, então, é melhor extingui-la, porque toda sessão que tiver vai ser isso”, disse.
Erika Kokay afirmou que havia autoritarismo por parte de Marco Feliciano, que teria “tomado a sessão de assalto” segundo ela, ao cassar a palavra dos presentes. Veja no vídeo abaixo:
O Partido Social Cristão publicou nota em seu site destacando o clima tumultuado na sessão da CDHM e as definições que ficaram acertadas para os próximos dias: “A sessão foi interrompida várias vezes por conta da gritaria que se instalou no plenário da comissão, porém, Marco Feliciano manteve a serenidade, deu continuidade aos trabalhos da comissão e conseguiu a aprovação de sete importantes requerimentos. Entre eles, destacam-se quatro de autoria do próprio presidente, que buscam debater – junto com a sociedade e profissionais capacitados -, a melhoria das condições de vida e segurança dos moradores de rua, casos de violência e exploração sexual de crianças e adolescentes e a inclusão no mercado de trabalho, assegurando a igualdade de direitos e oportunidades, sem discriminação de cor, etnia ou procedência”, detalhou a nota assinada pela assessoria de comunicação do partido.
Feliciano considerou o tumulto causado pelos manifestantes como “normal” e expressou satisfação com o resultado da primeira sessão: “Foi muito melhor do que eu esperava. Graças a Deus conseguimos votar todos os itens, os itens que falam sobre o direito do povo, das crianças. Estou muito satisfeito”, disse o pastor.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é Infarto?

Sinônimos: Infarto agudo do miocárdio, Parada cardíaca, Ataque cardíaco Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Causas A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias. As artérias coronárias levam sangue e oxigênio para o coração. Se o fluxo sanguíneo estiver bloqueado, o coração ficará sem oxigênio e as células cardíacas morrerão. A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias Um substância dura chamada placa pode se acumular nas paredes de suas artérias coroná…

Mensagem de Ensinamento com Pr. Clodoaldo Alves da Costa 08/08/2017

Culto de Ensinamento na IEADN em Boa Vista Roraima, com nosso Pastor Presidente Clodoaldo Alves da Costa