Pular para o conteúdo principal

Bancada Evangélica apresenta nota de repúdio contra presidente da Venezuela por homofobia

O presidente da Frente Parlamentar Evangélica, deputado João Campos (PSDB-GO), apresentou uma moção de repúdio contra o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro. A nota condena o político por “homofobia” e foi aprovada por unanimidade na Comissão de Direitos Humanos (CDH) da Câmara dos Deputados, onde o pastor Marco Feliciano é o presidente.
A moção foi motivada por declarações homofóbicas feitas por Maduro em sua campanha à eleição presidencial. Como forma de descreditar seu adversário, Henrique Caprilles, Maduro passou a espalhar um boato de que Caprilles é gay.
- Eu, sim, tenho mulher, escutaram? Eu gosto de mulheres – chegou a bradar em um de seus comícios, ao lado da sua mulher.
Capriles tem 40 anos e não é casado. Na época, ele reagiu às afirmações do adversário político criticando sua postura e clamando por uma sociedade mais igualitária.
- Quero enviar uma palavra de rechaço às declarações homofóbicas de Maduro. Não é a primeira vez. Creio numa sociedade sem exclusão, na qual ninguém se sinta excluído por sua forma de pensar, seu credo, sua orientação sexual – afirmou.
O jornalista Reinaldo Azevedo comentou a atitude da Bancada Evangélica questionando o silêncio de Jean Wyllys e de outros políticos que defendem a agenda gay no Brasil.
- Cadê Jean Wyllys? Cadê os outros esquerdistas da comissão? Por que nunca protestaram contra os homofóbicos islâmicos ou de esquerda? – questionou Azevedo, ressaltando a proximidade dos políticos da esquerda brasileira com os líderes venezuelanos.
- Por que ela (a moção) não foi proposta por petistas e psolistas? Sim, meus caros, há sete petistas lá: Érika Kokay, Domingos Dutra, Nilmário Miranda, Padre Ton, Janete Rocha Pietá, Luiz Couto e Vicentinho. Há ainda dois representantes do PSOL: além de Jean Wyllys, Chico Alencar. – completou o jornalista, que disse ainda que “até esquerdistas admitem que a questão de gênero é, no fundo, mero pretexto para uma outra batalha”.
Por Dan Martins, para o Gospel+

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é Infarto?

Sinônimos: Infarto agudo do miocárdio, Parada cardíaca, Ataque cardíaco Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Causas A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias. As artérias coronárias levam sangue e oxigênio para o coração. Se o fluxo sanguíneo estiver bloqueado, o coração ficará sem oxigênio e as células cardíacas morrerão. A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias Um substância dura chamada placa pode se acumular nas paredes de suas artérias coroná…

Mensagem de Ensinamento com Pr. Clodoaldo Alves da Costa 08/08/2017

Culto de Ensinamento na IEADN em Boa Vista Roraima, com nosso Pastor Presidente Clodoaldo Alves da Costa