Pular para o conteúdo principal

Ministério Portas Abertas comemora 35 anos de atuação no Brasil


Nesse sábado (04), será realizado na Igreja do Nazareno Central de Campinas um culto em celebração aos 35 anos de atuação do ministério Portas Abertas no Brasil. Para as comemorações de aniversário, a Portas Abertas Brasil contará com a presença do norte-americano Jeff Taylor, presidente da Portas Abertas Internacional, e do palestino Bishara Awad, diretor da Faculdade Bíblica Belém.
A gênese da atuação do ministério no Brasil se deu em 1977, quando Elmira Pasquini ouviu uma pregação do holandês Anne van der Bijl, conhecido como Irmão André (fundador do Portas Abertas Internacional) na Igreja Batista da Liberdade, em São Paulo. Na ocasião, foi levantada uma oferta para o ministério, mas o Irmão André, ao receber a doação, disse: “Usem esta quantia para abrir um escritório aqui”. Assim, em 1978, foi formalizada e instituída a base da Portas Abertas no Brasil.
De acordo com o site oficial do ministério, o objetivo, desde o início, era que a Portas Abertas Brasil engajasse o maior número possível de cristãos brasileiros com a causa da Igreja Perseguida.
Em um texto publicado no site do ministério, a irmã Elmira Pasquini comentou sobre a inspiração para iniciar os trabalhos do ministério no país, e também sobre a fé que mantém o trabalho.
- A ideia de trazer a Portas Abertas para o Brasil não foi minha, foi de Deus. Ele só me deu o privilégio de executá-la. E sabe o que mais me impressionou no Irmão André [fundador da Portas Abertas Internacional]? A fé que ele tem para realizar a obra que o Senhor colocou em suas mãos. A mesma fé que me inspirou a iniciar o trabalho da Portas Abertas aqui no Brasil. Esse mês, celebramos 35 anos unidos em Cristo e em sua causa – afirmou a irmã Elmira Pasquini.
Por Dan Martins, para o Gospel+

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é Infarto?

Sinônimos: Infarto agudo do miocárdio, Parada cardíaca, Ataque cardíaco Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Causas A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias. As artérias coronárias levam sangue e oxigênio para o coração. Se o fluxo sanguíneo estiver bloqueado, o coração ficará sem oxigênio e as células cardíacas morrerão. A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias Um substância dura chamada placa pode se acumular nas paredes de suas artérias coroná…

Mensagem do Pr. Clodoaldo

Ouça mais uma mensagem abençoada por Deus através do nosso querido Pr. Clodoaldo, esta mensagem foi entregue dia 05/07/2015 no culto de Santa Ceia no Templo Sede da IEADN.

Seja abençoado em nome de Jesus.













Profecias sobre a Síria estão se cumprindo em nossos dias?

O ataque mais recente das forças dos Estados Unidos voltaram os olhos do mundo para a Síria. Há quase sete anos em guerra, o país está sendo destroçado por uma guerra civil que transformou parte da nação em uma pilha de ruínas. Agora que o presidente Trump afirma que podem ocorrer mais ataques militares, o presidente Bashar Al Assad já admite que lhe restam poucas alternativas. Alguns estudiosos das profecias lembram de Isaías 17: 1. Cerca de 750 anos antes de Cristo o profeta anunciou: “Eis que Damasco será tirada, e já não será cidade, antes será um montão de ruínas”. Até o momento, a capital da Síria foi preservada de grandes ataques, pois os jihadistas do Estado Islâmico e grupos associados mantinham o controle apenas da porção norte do país, mas os conflitos se aproximam da cidade, sede do governo. Uma das cidades continuamente habitada mais antigas do mundo, ela nunca viu uma destruição como a anunciada por Isaías.  Até recentemente dizia-se que o cumprimento da profecias deu-se…