Pular para o conteúdo principal

Doutor Dráuzio Varella diz que movimento contra o aborto é “fascismo em nome de Deus”

A militância contra o aborto foi duramente criticada pelo doutor Dráuzio Varella, médico e escritor conhecido por seus livros, como Estação Carandiru, e também por suas séries sobre saúde no Fantástico, da TV Globo.
Num artigo escrito para a Folha de S. Paulo, Varella condenou os protestos dos movimentos contrários ao aborto que repudiam a sanção da presidente Dilma Rousseff (PT) ao projeto de lei 03/2013, que permite a “profilaxia da gravidez” através da “pílula do dia seguinte” nos hospitais da rede pública.
Segundo Varella, esse movimento pratica “fascismo em nome de Deus” e questionou se “um Estado laico tem direito de submeter a sociedade inteira a uma minoria de fanáticos” que desejam “impor suas idiossincrasias e intolerâncias em nome de Deus”.
A principal queixa do doutor foi um documento enviado pela liderança do movimento Pró-Vida à presidente, dizendo que a sanção do projeto – que no final das contas aconteceu – causaria “grande atrito” entre os militantes.
“As consequências chegarão à militância pró-vida causando grande atrito e desgaste para Vossa Excelência, senhora presidente, que prometeu em sua campanha eleitoral nada fazer para instaurar o aborto em nosso país”, dizia o documento.
Varella dá a entender em seu artigo que interpretou o teor do comunicado da militância contra o aborto como uma chantagem: “Quem são, e quanto são, esses arautos da moral e dos bons costumes. De onde lhes vem a autoridade para ameaçar em público a presidente da República?”, questionou.
Ateu, Varella já se declarou favorável ao aborto em outras ocasiões, e questionou a motivação do movimento contrário à legalização da prática: “Em que documento está registrada a palavra do Criador que os nomeia detentores exclusivos da verdade? Quanto sofrimento humano será necessário para aplacar-lhes a insensibilidade social e a sanha punitiva?”.
As bancadas evangélica e católica, além de lideranças cristãs, como a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), pressionam o governo para modificar a lei e revogar a legalização do uso da “pílula do dia seguinte” na rede do Sistema Único de Saúde.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é Infarto?

Sinônimos: Infarto agudo do miocárdio, Parada cardíaca, Ataque cardíaco Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Causas A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias. As artérias coronárias levam sangue e oxigênio para o coração. Se o fluxo sanguíneo estiver bloqueado, o coração ficará sem oxigênio e as células cardíacas morrerão. A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias Um substância dura chamada placa pode se acumular nas paredes de suas artérias coroná…

Mensagem de Ensinamento com Pr. Clodoaldo Alves da Costa 08/08/2017

Culto de Ensinamento na IEADN em Boa Vista Roraima, com nosso Pastor Presidente Clodoaldo Alves da Costa