Pular para o conteúdo principal

Benny Hinn é internado na UTI para tratar de arritmia cardíaca e falta de ar, dizem familiares

O televangelista Benny Hinn foi internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no último fim de semana para tratar de problemas relacionados ao coração.
Benny Hinn deu entrada no hospital de Orange County, na Califórnia (EUA) com falta de ar, e depois de uma avaliação mais minuciosa, os médicos afirmaram que ele se recuperará completamente.
De acordo com informações do Charisma News, o televangelista adepto da teologia da prosperidade se queixava de exaustão após ter voltado do Brasil, onde participou do 7º Congresso Fogo de Avivamento para o Brasil, realizado em São Paulo.
“Este é um desafio, mas estou recebendo bons relatórios. Nós não temos todas as respostas… À medida que envelhecemos, nosso corpo precisa de reparo”, afirmou Benny Hinn, 63 anos, ao jornalista Steve Strang numa rápida conversa no hospital.
Strang informou ainda que a filha mais velha de Hinn, Jessica Hinn-Koulianos, contou que o pai não estava se sentindo bem depois das participações no Congresso neopentecostal no Brasil, e que sua irmã, Tasha Gelyana havia lhe dito que o pai estava com sinais de exaustão e queixando-se de falta de ar.
Dentro desse cenário, a família decidiu internar o televangelista e contratar um dos melhores cardiologistas do estado, enquanto os médicos tratavam os pulmões para aliviar os problemas respiratórios. “Ele forçou seu corpo demais depois de estar no Brasil. Ele é humano, mas ele está otimista e ele vai ficar bem”, disse Jessica Hinn-Koulianos.
Jessica contou ainda que o coração de Benny Hinn estava registrando uma média de 200 batimentos por minuto, devido a um problema de fibrilação arterial, ou arritmia cardíaca, como é mais popularmente conhecido.
“Seu ritmo cardíaco voltou ao normal. Nós acreditamos que Deus vai curá-lo”, pontuou Jessica. Um dos principais líderes do Benny Hinn Ministries, entidade religiosa criada pelo televangelista, afirmou que em breve ele estará de volta à ativa: “Dentro de algumas semanas os médicos dizem que ele vai estar de pé ministrando em todo o mundo, assim como ele tem feito por mais de 40 anos”, disse Don Price.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Banda Catedral anuncia última turnê e o seu fim

Em vídeo, os integrantes da banda, Kim, Júlio Cézar e Guilherme Morgado anunciam que o CD e DVD dos 25 anos da banda será o último trabalho. 

Nesta sexta-feira, 22 de maio, os integrantes da Banda Catedral anunciaram em vídeo, que, a gravação do Cd e DVD em comemoração aos 25 anos da banda, que será gravado em Belém (PA) e em Recife (PE), será o seu último trabalho.

O último trabalho em vídeo que vai celebrar os 25 anos de carreira da banda, recebeu o nome de “Música Inteligente Ao Vivo 25 Anos”.

“Música Inteligente Ao Vivo 25 Anos” será o quarto trabalho ao vivo do Catedral em DVD. Os outros títulos já lançados são “Catedral 10 Anos Ao Vivo”, “Acima do Nível do Mar - 15 Anos” e “Catedral 20 Anos de Estrada Ao Vivo”. Além desses DVDs, a banda tem outro título, “Mais que Amigos = Irmãos”, em parceria com a banda Novo Som.

Catedral é uma banda brasileira de rock cristão, formada no Rio de Janeiro em 1988, conhecida por abordar nas letras de suas canções uma mensagem cristã positiva e popula…

Mensagem do Pr. Clodoaldo

Ouça mais uma mensagem abençoada por Deus através do nosso querido Pr. Clodoaldo, esta mensagem foi entregue dia 05/07/2015 no culto de Santa Ceia no Templo Sede da IEADN.

Seja abençoado em nome de Jesus.













Onda de ataques deixa 800 cristãos mortos e 16 igrejas destruídas

A Arquidiocese de Kafanchan divulgou esta semana que os últimos ataques no sul do estado de Kaduna, Nigéria, resultou em mais de 800 mortos. Cinquenta e três aldeias foram invadidas por soldados islâmicos, da etnia fulani. As autoridades reconhecem que falharam em proteger os habitantes locais, mas não anunciaram que providencias tomariam. Durante uma coletiva de imprensa, Ibrahim Yakubu, responsável pela arquidiocese e quatro outros padres apresentaram um relatório completo, mostrando que foram invadidas 1422 casas e destruídas 16 igrejas, além de uma escola primária cristã. Ao total, morreram 808 pessoas e mais 57 ficaram feridos. Ao jornal The National, Yakubu pediu que todas as famílias que perderam entes queridos ou propriedade recebessem algum tipo de compensação e que seja criada uma comissão oficial para investigar os casos. Já o senador Sani Shehu, reclamou que o estado de Kaduna esteja se transformando em “um matadouro e um cemitério onde vidas humanas não tem valor”. Ele af…