Pular para o conteúdo principal

Só 20% do público de Os Dez Mandamentos é evangélico, diz diretor

A novela relata a história de Moisés e tem cativado o telespectador brasileiro


A produção da Rede Record realizou uma entrevista e percebeu que apenas 20% da audiência da novela “Os Dez Mandamentos” é formada por evangélicos. A notícia foi dada pelo diretor Alexandre Avancini que nega que a trama tenha os cristãos como público alvo.
“A gente fez uma pesquisa e descobriu que só 20% dos espectadores das produções bíblicas eram evangélicos. É bem pouco. O resto eram outras religiões e o público em geral”, disse ele ao iG.
A trama estreou como um grande sucesso na emissora de Edir Macedo, desde o primeiro capítulo a novela tem alcançado bons índices no ibope, apresentando números que a Record não via há muito tempo.
“A novela cativa por ter muitos dramas familiares que são absolutamente contemporâneos. A gente vê muito a história da mãe que teve que entregar o filho para adoção e depois o procura, tem o drama da mulher que é espancada pelo marido… E o que emociona o espectador é essa relação familiar”, explica Avancini ao comentar sobre a identificação do público com os personagens.
“Os Dez Mandamentos” conta a história de Moisés, desde seu nascimento, passando por sua adoção pela filha de Faraó até o momento que ele recebe a ordem de Deus para tirar os hebreus do Egito e guiá-los para a terra prometida.
Essa é a primeira novela bíblica da emissora que já agradou ao público com minisséries religiosas que também se tornaram sucesso. Avancini avisa que a empresa percebeu que o público brasileiro se interessa pelo tema e poderia gostar de uma novela baseada na Bíblia.
“A empresa percebeu que a temática bíblica tem um tipo de base de dramaturgia que permite desenvolver um excelente folhetim. Além de estar inserido um contexto épico supergrandioso, ele retrata relações familiares. Essa temática sempre tem um grande apelo junto ao público.”
Avancini elogiou a forma como a autora Vivian de Oliveira escreveu o texto da novela que é dividida em quatro fases da vida de Moisés, uma história bastante conhecida e que não tem como ter um final diferente.
“A Vivian conseguiu imprimir um ritmo mais ágil e, com isso, o público fica curioso para acompanhar esse movimento. São quatro fases, e a cada uma muda o cenário, muda o foco dos personagens”, avalia. Com informações IG

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é Infarto?

Sinônimos: Infarto agudo do miocárdio, Parada cardíaca, Ataque cardíaco Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue para uma parte do coração é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio. Causas A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias. As artérias coronárias levam sangue e oxigênio para o coração. Se o fluxo sanguíneo estiver bloqueado, o coração ficará sem oxigênio e as células cardíacas morrerão. A maioria dos ataques cardíacos é causada por um coágulo sanguíneo que bloqueia uma das artérias coronárias Um substância dura chamada placa pode se acumular nas paredes de suas artérias coroná…

Mensagem do Pr. Clodoaldo

Ouça mais uma mensagem abençoada por Deus através do nosso querido Pr. Clodoaldo, esta mensagem foi entregue dia 05/07/2015 no culto de Santa Ceia no Templo Sede da IEADN.

Seja abençoado em nome de Jesus.













Profecias sobre a Síria estão se cumprindo em nossos dias?

O ataque mais recente das forças dos Estados Unidos voltaram os olhos do mundo para a Síria. Há quase sete anos em guerra, o país está sendo destroçado por uma guerra civil que transformou parte da nação em uma pilha de ruínas. Agora que o presidente Trump afirma que podem ocorrer mais ataques militares, o presidente Bashar Al Assad já admite que lhe restam poucas alternativas. Alguns estudiosos das profecias lembram de Isaías 17: 1. Cerca de 750 anos antes de Cristo o profeta anunciou: “Eis que Damasco será tirada, e já não será cidade, antes será um montão de ruínas”. Até o momento, a capital da Síria foi preservada de grandes ataques, pois os jihadistas do Estado Islâmico e grupos associados mantinham o controle apenas da porção norte do país, mas os conflitos se aproximam da cidade, sede do governo. Uma das cidades continuamente habitada mais antigas do mundo, ela nunca viu uma destruição como a anunciada por Isaías.  Até recentemente dizia-se que o cumprimento da profecias deu-se…