Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2016

O grão de mostarda no ensino de Jesus

"Disse mais: A que assemelharemos o reino de Deus? Ou com que parábola o apresentaremos? É como um grão de mostarda, que, quando semeado, é a menor de todas as sementes sobre a terra; mas, uma vez semeada, cresce e se torna maior do que todas as hortaliças e deita grandes ramos, a ponto de as aves do céu poderem aninhar-se à sua sombra" Marcos 4:30-32. A figura é clara, fala do milagre do crescimento do Reino de Deus. Porém, existe uma grande questão sobre quem são estas "AVES DO CÉU", num sentido alegórico. Creio que são aqueles que não fazem parte da natureza original e legítima da planta. São pessoas e sistemas (ninhos) que entram na Obra do Evangelho e se estabelecem por delegação diabólica ( ritos, normas e instituições humanas e infernais). Estes seres estranhos ao Reino de Deus dominam pelo engano, gozam da "sombra" da planta e ainda deixam seus ovos, o peso dos seus ninhos e as suas fezes ( sua perversa cosmovisão desviada) implantada numa geração…